Viagens na Minha Terra: Resumo Por Capítulo

Paráfrase da obra de Almeida Garret

Capítulo 37

Chega à igreja do Santo Milagre e depois vai até uma casa que teria participado do episódio. Ressalta o descuido que há com os prédios visitados.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Lembra-se da história do “homem de botas”, que tem relação com o Santo Milagre. Durante uma guerra a relíquia do Santo Milagre foi levada à Lisboa para preservação. Após o conflito Santarém requereu a devolução do objeto, mas a população de Lisboa parecia se mobilizar pela permanência do relicário. Para distrair o povo no dia em que a relíquia seria mandada a Santarém, foi plantado um boato que um homem, vestido de botas de cortiça, andaria pelo Tejo, flutuando sobre a água. Dito e feito, todos se alvoroçaram à procura do tal home no rio e ninguém deu atenção à saída do relicário da cidade.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Anterior Índice Próximo

O que achou do resumo?
Ficou com alguma dúvida?
Qual a sua interpretação do texto?
Deixe seu comentário no final desta página ;)

Adquira os eBooks para
ter acesso total ao conteúdo
e contribua com nosso trabalho ;)

Clique aqui para
visitar nossa Livraria Virtual