Sentimento do Mundo: Resumo Por Capítulo

Paráfrase da obra de Carlos Drummond de Andrade

Congresso Internacional do Medo

Mergulhado de vez no “sentimento do mundo”, o poeta identifica o medo como sensação predominante em todas povos do globo: um medo que ocorre em todos os lugares, medo que acompanha os homens até a sua morte – a qual, ironicamente, também é temida – , ou mesmo depois da morte: o medo seria tanto que faria nascer uma flor amarela no túmulo dos medrosos (amarelo é uma cor relacionada à covardia).

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Dessa forma, identifica-se uma crítica a uma sociedade se torna refém do medo: ela teme tanto os ditadores, quanto os democratas, não se decide por nada e acaba cedendo ao que lhe garantir mais segurança. Historicamente, fica evidente a importância do tal medo em apoio a golpes de estado, tão frequentes naquela época.

Baixar eBooks

Anterior Índice Próximo

Baixar eBook (R$9,90)

O que achou do resumo?
Ficou com alguma dúvida?
Qual a sua interpretação do texto?
Deixe seu comentário no final desta página ;)

Adquira os eBooks para
ter acesso total ao conteúdo
e contribua com nosso trabalho ;)

Clique aqui para
visitar nossa Livraria Virtual