Sagarana: Resumo Por Capítulo

Paráfrase da obra de Guimarães Rosa

Minha gente – XIV

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O narrador decidiu ir para a fazenda do tio Ludovico, que não era metido em política nem tinha prima por quem se apaixonar. Os dias eram cheios de passeios, mas as noites eram de insônia com a lembrança de Maria Irma.

Chegaram duas cartas, uma do tio Emílio, celebrando a vitória de seu partido na eleição e convidando-o a retornar a sua fazenda. Outra carta era de Santana, o jogador de xadrez, revelando que, ao contrário do que pensava, uma partida que ele imaginava perdida poderia ser ganha com um novo movimento.

Baixar eBook

O narrador alegrou-se subitamente e preparou a viagem de volta à casa de tio Emílio, dizendo que não o fazia por Maria Irma.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Anterior Índice Próximo

O que achou do resumo?
Ficou com alguma dúvida?
Qual a sua interpretação do texto?
Deixe seu comentário no final desta página 😉

Adquira os eBooks para
ter acesso total ao conteúdo
e contribua com nosso trabalho ;)

Clique aqui para
visitar nossa Livraria Virtual