Escolha uma Página

Sagarana: Resumo Por Capítulo

Paráfrase da obra de Guimarães Rosa, por Bruno Alves

ATENÇÃO: A experiência artística da leitura literária é única e pessoal: sempre que puder, entre em contato com os textos originais para compreender os livros em sua essência.

Minha gente – IX

Na manhã após a chuva, o narrador acorda com o canto de Maria Irma, a quem convida para ver a horta. Quando regava as plantas, distraiu-se pensando na possibilidade de ter um relacionamento com ela, sendo alertado pela própria menina que estava encharcando a terra, que já havia sido molhada pela chuva.

Em seguida foram ao galinheiro, onde um gavião havia pousado para reinar entre os galos e galinhas. O narrador achou o animal um covarde, mas Maria Irma contou que ele era manso e só gostava da algazarra do galinheiro.

Anterior Índice Próximo

Baixar eBook
error: Compre nossos ebook, a partir de R$9,90, para ter acesso aos textos com a opção copiar/colar habilitada ;)