Escolha uma Página

Sagarana: Resumo Por Capítulo

Paráfrase da obra de Guimarães Rosa, por Bruno Alves

ATENÇÃO: A experiência artística da leitura literária é única e pessoal: sempre que puder, entre em contato com os textos originais para compreender os livros em sua essência.

Traços biográficos de Lalino Salãthiel ou A volta do marido pródigo – II

Neste dia Lalino foi cedo para casa, deixando o costume de pagar cervejas para seus companheiros e jantar na casa de seu Waldemar. Sua mulher, Maria Rita, apreciou a companhia do marido que, porém, logo foi dormir.

Pela manhã Lalino demorou a acordar. Maria Rita pensou que ele não trabalharia naquele dia e se enfeitou toda, imaginando uma segunda lua-de-mel. Mas o mulato acordou tenso: andava pela casa fumando e pensando.

Remexeu uma mala onde havia revistas velhas com figuras de mulheres. Maria Rita tentava chamar sua atenção, cantando uma música romântica, mas ele buscava a imagem de uma outra mulher, com quem tivesse um relacionamento perfeito.

Saindo depois do almoço, Lalino estava decidido a mudar sua vida: vendeu suas posses e dizia que iria ora para Belorizonte, ora para o Rio de Janeiro – a capital na época.

Pediu a Ramiro, o espanhol, um empréstimo e a Miranda que contasse à sua mulher que a havia deixado.

Anterior Índice Próximo

Baixar eBook
error: Compre nossos ebook, a partir de R$9,90, para ter acesso aos textos com a opção copiar/colar habilitada ;)