O Cortiço: Resumo Por Capítulo

Paráfrase da obra de Aluísio Azevedo

Capítulo 17

Ainda que a batalha entre portugueses e brasileiros do cortiço São Romão estivesse em seu ápice, a chegada dos cabeças-de-gato reuniu rapidamente os carapicus. Os invasores vinham à moda de seu líder assassinado, com navalhas preparadas. A batalha teve início.

Baixar eBooks

Porém em alguns instantes via-se uma casa, a 88, a incendiar. E dessa vez a bruxa fez o trabalho perfeito, pois o fogo não dava sinais de baixar. Surpreendentemente, os cabeças-de-gato, diferente dos policias no último incêndio, não se aproveitaram da situação, mas recuaram por considerar uma briga injusta. Foram capazes até mesmo de ajudar a salvar os bens de seus inimigos.

A confusão no cortiço crescia, com diversos móveis sendo atirados para a rua, enquanto outros traziam água para apagar o fogo. Era possível ver a Bruxa à janela de sua casa, sorrindo, e sendo consumida pelas chamas.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O incidente acabou com a chegada dos bombeiros que atuavam como heróis, para o delírio dos animados espectadores da desgraça e, em especial, das senhoras assanhadas.

Anterior Índice Próximo

Baixar eBook (R$9,90)

Baixar eBook

O que achou do resumo?
Ficou com alguma dúvida?
Qual a sua interpretação do texto?
Deixe seu comentário no final desta página ;)

Adquira os eBooks para
ter acesso total ao conteúdo
e contribua com nosso trabalho ;)

Clique aqui para
visitar nossa Livraria Virtual