O Cortiço: Resumo Por Capítulo

Paráfrase da obra de Aluísio Azevedo

Capítulo 12

Pombinha foi direto para sua casa contar à sua mãe a tão esperada novidade. Dona Isabel agradecia à primeira menstruação da garota como uma dádiva divina. Logo todos no cortiço sabiam da novidade e parabenizavam mãe e filha. Na noite do mesmo dia João da Costa compareceu à casa daquela que, agora sim, seria sua noiva.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Jerônimo precisou ser encaminhado para um hospital e a partir de então Rita sentiu-se mal: ela ficou sozinha, uma vez que tinha pouco contato com Firmo, que fora proibido de entrar na estalagem.

Outro que estava mal era Bruno, já arrependido de ter expulsado Leocádia de casa. A Bruxa tirara-lhe cartas que diziam que a mulher ainda o amava, o que o animou para tentar um contato. Procurou, então, por Pombinha para ela lhe escrever uma carta. Mesmo ocupada com a costura de seu enxoval, a menina atendeu ao pedido de Bruno, que entre lágrimas confessou que aceitaria Leocádia de volta e esqueceria sua traição.

Baixar eBooks

Pombinha já passara por situações como aquela diversas vezes, mas agora com suas recentes experiências e a proximidade de seu casamento, via com outros olhos a interessante relação que se travava entre homens e mulheres. Enquanto um tentava demonstrar sempre sua superioridade, a outra era a verdadeira dominadora.

Chegou o dia de seu casamento. Saiu abençoada por todos do cortiço.

Anterior Índice Próximo

Baixar eBook (R$9,90)

Baixar eBooks

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O que achou do resumo?
Ficou com alguma dúvida?
Qual a sua interpretação do texto?
Deixe seu comentário no final desta página ;)

Adquira os eBooks para
ter acesso total ao conteúdo
e contribua com nosso trabalho ;)

Clique aqui para
visitar nossa Livraria Virtual