Inocência: Resumo Por Capítulo

Paráfrase da obra de Visconde de Taunay

13 – Desconfianças

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Quando José questionou a súbita alegria em que se encontrava seu patrão, Meyer não se conteve continuou elogiando a formosura de Inocência. Ouvindo isso, Martinho se enfurecia cada vez mais e decidiu que não sairia de perto de sua casa enquanto o estrangeiro estivesse por ali.

O alemão se preparava para sair à caça de borboletas e entregou ao médico a garrafa de vinho, com o qual trataria a doente. Martinho, que desconfiava das boas intenções do estrangeiro em ajudar sua filha, acompanharia o visitante pelos matagais, pretendendo deixá-lo bastante tempo longe de casa.

Promoção 50%

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Anterior Índice Próximo

Baixar eBook (R$9,90)

O que achou do resumo?
Ficou com alguma dúvida?
Qual a sua interpretação do texto?
Deixe seu comentário no final desta página 😉

Adquira os eBooks para
ter acesso total ao conteúdo
e contribua com nosso trabalho ;)

Clique aqui para
visitar nossa Livraria Virtual