Escolha uma Página

Claro Enigma: Resumo Por Capítulo

Paráfrase da obra de Carlos Drummond de Andrade, por Bruna Bitazi

ATENÇÃO: A experiência artística da leitura literária é única e pessoal: sempre que puder, entre em contato com os textos originais para compreender os livros em sua essência.

A Máquina do Mundo

Em “Os Lusíadas”, de Camões, Vasco da Gama ao encontrar a Ilha dos Amores é presenteado pela Deusa Tétis com a máquina do tempo , ganhando assim, uma compreensão mecânica do universo que apenas deuses possuíam: esse contexto de compreensão da vida dá sentido ao título.

O caminhar lerdo significa a desilusão de descobrir os segredos da máquina do mundo, o sentido do ciclo da vida.

Quando a máquina se abre, o autor oferece uma descrição muito detalhada dessa, por exemplo: a claridade emitida por ela que não era exagerada, e a calma envolvida no processo, porém quando esta se abre, o autor a observa e ignora o acontecimento.

A máquina ao ser desprezada, não desaparece, porém fica humilhada e abalada pelo acontecimento. Seu atrativo foi perdido.

” …e a máquina do mundo, repelida, se foi miudamente recompondo, enquanto eu, avaliando o que perdera, seguia vagaroso…”

Anterior Índice Próximo
error: Compre nossos ebook, a partir de R$9,90, para ter acesso aos textos com a opção copiar/colar habilitada ;)