Caminhos Cruzados: Resumo Por Capítulo

Paráfrase da obra de Erico Verissimo, por Bruno Alves

ATENÇÃO: A experiência artística da leitura literária é única e pessoal: sempre que puder, entre em contato com os textos originais para compreender os livros em sua essência.

SÁBADO

Capítulo 5

Em Jacarecanga a família Pedrosa vivia numa casa modesta, com um jardim e uma horta, vizinhos trabalhadores e amigáveis. Zé Maria tinha um comércio, mas as finanças nunca iam bem. D. Maria Luísa, como sempre, se entristecia com cada conta que precisava ser paga ao final do mês.

Inspirado num sonho em que a casa de seu vizinho pegava fogo, matando Quirino Madruga, um conhecido seu que sempre o menosprezava, Zé Maria comprou um bilhete de loteria. D. Maria Luísa ficou transtornada ao saber do gasto do marido, já que não tinham mais dinheiro para cumprir com suas dívidas. Mas o bilhete foi premiado: estavam ricos.

Zé Maria decidiu que se mudariam para Porto Alegre, por mais que os moradores de sua cidade pedissem que ele ficasse: poderiam torná-lo prefeito. Chinita e Manuel, que sonhavam com a vida na cidade grande, comemoraram. D. Maria Luísa deprimiu-se ao pensar em quanto dinheiro iriam gastar dali em diante, com a mudança e a vida de ricos.

Anterior Índice Próximo

Baixar eBook
error: Compre nossos ebook, a partir de R$9,90, para ter acesso aos textos com a opção copiar/colar habilitada ;)