Caminhos Cruzados: Resumo Por Capítulo

Paráfrase da obra de Erico Verissimo, por Bruno Alves

QUARTA-FEIRA

Capítulo 82

Às seis da manhã Clarimundo põe a água para ferver e lê Einstein, aguardando Fiorello, com quem inaugurará sua cafeteira. Ele dá um tempo das teorias de física para refletir sobre o valor que tem um bom café e como sua compra é uma quebra de sua usual rotina – uma necessidade humana. Aliás, como o habitante de Sírio avaliaria a cafeteira?

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Fiorello chega, Clarimundo pega a cafeteira com cuidado, lembrando que leu sobre o preparo da bebida no “Manual da Boa Dona de Casa”, afinal “tudo na vida tem sua ciência”.

Gostou desse resumo?
Ficou com alguma dúvida?
Deseja contribuir com alguma informação adicional?
Deixe seu comentário no final desta página 😉

Anterior Índice Próximo
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
error: Se interessou em nosso trabalho? Adquira nossos eBooks: para baixar, imprimir e ler quando quiser.